OLÁ, EU SOU A SOFIA

Instrutora Apaixonada e Entusiasta de HipnoNascimento

A primeira vez que ouvi falar de HypnoBirthing™ (HipnoNascimento) foi quando o meu sobrinho nasceu. A minha cunhada relatou-me um nascimento intenso, mas calmo e feliz, e o bebé – oh o bebé! – era o bebé mais relaxado que tinha visto até então.

Sou Portuguesa, vivo na Suiça – importada por amor – e quando engravidei estava a trabalhar numa multinacional. O expectável seria entregar o meu parto nas mãos de um médico que saberia como fazer o meu bebé nascer. Mais tarde aprendi, nas aulas de HipnoNascimento, que na verdade eu, em conjunto com o meu marido, teríamos o papel principal de definir as nossas preferências e liderar o nosso parto.

Ao procurarmos informação para nos prepararmos para o nascimento, a Instrutora da minha cunhada disponibilizou-se para nos ensinar, e lá estávamos os três – eu, o meu marido e o meu bebé – a aprender novas técnicas e a descobrir como o corpo da mulher está fisiologicamente preparado para dar à luz. Após a primeira sessão não fiquei convencida da real possibilidade de ter um parto mais fácil. Com o decorrer do curso, fiquei fascinada com o poder da mente, e quanto mais praticava, mais confiante e consciente me senti com, e para, o parto.

Durante o curso, aprendi os diversos procedimentos utilizados durante o nascimento, o que me permitiu definir as minhas preferências e desenhar o meu plano de parto. Consegui também perceber melhor a ligação entre mente e corpo, o que me permitiu aprender a relaxar, e me trouxe a segurança de que até poderia conseguir um parto sem medicação. E assim foi! Ao longo de todo o curso, foi  também importante conversar com o meu médico, e coordenar com a enfermeira-parteira que acompanhou o parto no hospital.

Após a minha experiência relaxada e positiva, dois anos mais tarde, certifiquei-me como Instrutora HipnoNascimento Método de Mongan.

Sem dúvida, falar de HipnoNascimento é uma paixão, e pretendo dar a conhecê-lo ao maior número de pessoas, pois acredito que mamãs, bebés, pais, famílias e até equipas médicas irão beneficiar de mais partos suaves e positivos.

“Quando mudares a forma como vês o nascimento, a forma como fazes nascer vai mudar”

​-Marie F. Mongan

IMG_4667.JPG